Hoje acordou mais otimista que Augusto Cury, mais bonito que Brad Pitt e talvez mais insano que Sorôco. Pode ser um louco. Acordou querendo voar, ganhar na loteria, amando sua tia. Só ria. Os sonhos são possíveis já diziam os cartões. Viaja agora em aviões, nuvens por fora, emoções por dentro. Chegará lá.

Cantará de felicidade a cada conquista, persista. Guardará os amigos e seguirá para nunca mais parar. Sem autossabotagem, autoestima lá em cima. É preciso desenhar um coração e nele escrever eu e eu, me amo, narciso. Perfeito.  Aceite conselhos e o seu único rival será o espelho.

O céu é o limite, permaneça alguns minutos por aí e observe como é o mundo sem ti. Está só porque o que há não é digno de te ter, um dia surgirá seu-bem-querer, seu encanto e nunca mais sofrerá tanto.

O passado pode ter sido imperfeito, mas o futuro tem plenas condições de ser mais-que-perfeito. Gramática e matemática não vai te matar, problemas ajudam a te fazer solucionar, não tem porquê chorar e soluçar. O mundo pode ser mudado, nem que seja o seu particular. Faça de sua casa seu lar, fale de si sem parar, inteligente, interessante, irritantemente feliz. Hoje acordou como se fosse um chafariz. Da sua água beberão. E se pessoas lhe decepcionarem é porque árvores frutíferas sempre são atacadas. Mesmo com radiação, Hiroshima é lembrada pela motivação.

Não tem porquê desanimar. Se quando espermatozoide você foi o primeiro, porque agora que é adulto se contentará em ser o último? Frase de Facebook. E por falar em social, desligue o BBB e dê uma espiadinha na Bíblia, espiritualize-se.Olhar de vez em quando para o próprio umbigo não é pecado, o masoquismo é subversivo.

Peça licença para passar, permita-se crescer e aparecer na Veja, ou na Caras e não me faça essa cara, pois pessoas muito menos importantes que você já estiveram por lá e não há o que questionar. Corra atrás, mostre que é capaz, vale a pena insistir, guerrear até encontrar sua paz.

Acordou metido, sem juízo, fez as malas e foi se valorizar. Quem não se acha, se perde.  Quem não se ama, não é amado. Agora acordou.


Categorias: Crônicas

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários