Um dos ditados mais antigos é: o mundo gira. E aí está a novela Carrossel para confirmar. A adaptação nacional do clássico mexicano provocou uma verdadeira reviravolta nos índices de audiência. O SBT que até há pouco tempo penava para alcançar 6 pontos no ibope, viu os números dispararem nesta segunda e terça-feira em que o folhetim infantil marcou médias impensáveis, 13 e 15 pontos, respectivamente, com picos de até 17. A Record ficou comendo poeira, na segunda-feira com 8 e no dia seguinte com apenas 6 pontos.

O desespero na emissora da Barra Funda começou com o início da novela Máscaras, na qual o consagrado autor Lauro César Muniz errou a mão e o diretor Ignácio Coqueiro errou o corpo inteiro. A outra novela da Record, Rebelde, virou chacota ao ser chamada pelo próprio canal de Mania Nacional, quando nem sequer consegue empatar com as médias obtidas por Maria do Bairro, esta exibida no horário da tarde quando o share de televisores ligados é menor.

No último domingo (20/05), o maior apresentador de todos os tempos, Silvio Santos, teve uma conversa sincera com o elenco mirim de Carrossel. O patrão sonhou alto e disse que caso a novela desse 15 pontos, a Record passaria dez dias sem dormir. O desejo de Silvio foi atendido para a surpresa de sua esposa e autora da novela, Íris Abravanel, e do diretor, Reynaldo Boury, que não esperavam toda esta repercussão.

Assisti Carrossel na sua primeira exibição e também nas reprises que a seguiram. Eu e meus irmãos éramos viciados e todos igualmente apaixonados pela professora Helena. Tínhamos os álbus de figurinhas, cantávamos as músicas de cor, não somente a da abertura como também outros hits que são lembrados até hoje pelos nostálgicos, como: Amiga Professora e Sonho de Amor, esta cantada por Patricia Marx. Caso tenha esquecido, relembre a música tema da professora Helena.

A julgar pelos dois primeiros capitulos, Íris decidiu ser fiel ao enredo, enquanto que a renovação ficou a cargo da técnica e dos efeitos. Mesmo com algumas atuações forçadas, a novela apresenta um conjunto bastante positivo, já que é necessário dar o devido desconto às crianças que estão ingressando no mundo da interpretação.

Como consolo a estes pequenos deslizes artísticos, cabe dizer que há crianças em Carrossel interpretando melhor que muito marmanjos e moçoilas em produções como Malhação, Rebelde e até mesmo em Avenida Brasil, a poderosa global. Para quem discorda, basta procurar alguma cena em que esteja o ator que interpreta, ou esforça-se para interpretar o Valdo, namorado da Betânia (Bianca Comparato).

Os destaques de Carrossel nestas primeiras impressões são a trilha sonora, a abertura e as atrizes Larissa Manuela e a já famosa Maísa Silva, uma grata surpresa vê-la atuando. Larissa que vive a entojada Maria Joaquina já é alvo de ódio, mensagens no Twitter dão a entender que caso ela não fosse criança, provavelmente levaria uma surra na rua, dada por alguma senhorinha que confudisse realidade com ficção.

Larrissa Manoela como Maria Joaquina.

Cenas que ainda não foram ao ar, mas vistas de antemão, prometem popularizar Lívia Andrade, atual queridinha de Silvio Santos. A ruiva surpreendeu quando interpretou Dona Florinda num especial de fim de ano do Chaves e roubou os holofotes em Corações Feridos.

Seja por saudosismo, por qualidade, ou por falta de opção no horário, uma coisa é certa: Carrossel fez o Ibope girar, a Record cair e todo o mundo se divertir.


Categorias: Novelas, Televisão

Deixe seu comentário

Este artigo não possui comentários