Séries e Internet – Game of Thrones do Nordeste: João Seu Pimenta e Diogo Paródias

Séries e Internet – Game of Thrones do Nordeste: João Seu Pimenta e Diogo Paródias

O brasileiro é muito criativo, e os nordestinos então nem se fala, fazem piada com tudo e a prova disto são as hilárias paródias e redublagens de Game of Thrones feitas por dois youtubers, João Seu Pimenta da Bahia e Diogo Paródia de Sergipe.

O humor do primeiro se baseia essencialmente em analogias que envolvem o mundo da série e as mais variadas subcategorias da cultura pop, proferidas sob o sotaque e vocabulário baiano, mais especificamente, sob o modo de falar de quem nasce em Salvador.

Aproveitando-se da badalação em torno da sétima temporada do programa, João fez um vídeo paródia para cada episódio e em nenhum deles a coisa ficou sem graça, pois – como o excelente humorista que é – tem facilidade de criar piadas à velocidade da luz.

É verdade que nem todas serão entendidas pelo internauta, mas isto não é um demérito, pelo contrário, é um reflexo da grande quantidade de universos pelos quais o humorista transita, de novelas mexicanas a conhecimento nerd, tem um pouco de tudo.

Mesmo sendo uma zoação sem maiores pretensões, vale a pena destacar a coerência interna que o Seu Pimenta imprime no decorrer da série de 7 vídeos. Embora a maioria das referências seja consumida ao fim de cada episódio, existe aquelas que voltam a aparecer em outro capítulo, não como uma repetição, mas sim como elemento de uma continuidade narrativa coesa.

Em outras palavras, ao invés de apenas piadas aleatórias e avulsas, há um fio condutor cômico que dá a ideia de estarmos vendo uma outra série com começo, meio e fim. A fantástica “trilha sonora” reforça isso, toda vez que o dragão cospe fogo surge a música “É fogo” do Harmonia do Samba, ou seja, nota-se uma organização narrativa bem parecida com a das novelas da Globo, que toca determinada música sempre a relacionando com a mesma personagem ou situação.

Agora falando do Diogo Paródia (não sei o seu sobrenome), ele não possui tantos vídeos sobre Game of Thrones, achei só três, mas são bem engraçados também. Aqui o regionalismo não aparece tão forte como elemento cômico, a graça é feita partindo da estrutura de vídeos de bastidores, no melhor estilo ‘trailer honesto”.

Acrescente a isto um repertório de humor mais primitivo – basicamente: sexo, escatologia – misturado com críticas à narrativa da própria série, o que por sua vez exige que o espectador realmente a assista para que a piada faça sentido.

Já no último vídeo, o Diogo muda o formato da paródia, passa de “A Câmera Indiscreta” para “Diálogo Normal”, modelo que não demanda conhecer bem a série para morrer de rir, justamente por focar no humor mais raiz, neste caso, o tema é obesidade. Não veja se você for muito da turma do politicamente correto.

E é isso, no próximo post sobre internet farei uma análise de outra canal de comédia nordestino: o Frases de Mainha. Siga-nos no Facebook para não perder. Até!

Compartilhe:

Comente via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *